Another Sorry

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Another Sorry

Mensagem por Jyunirii em Dom Jan 08, 2012 7:36 pm

Uma one-shot NADA A VER com o RP. Fiz porque me deu na telha mesmo, e não a terminei toda.
ANOTHER SORRY.

Desde aquele dia em que de nossos dedos vimos virar dados nossos preciosos amigos, o tempo correu e hoje já se soma 10 anos. Dez anos de uma Shinjuku em paz.
Alguns deram continuidade e estão na faculdade.
Outro, a brincar em um outro mundo, ou quem sabe na cidade vizinha.
Um morto, outro por ai.

E eu, aqui, fazendo milhares e milhares de coisas ao mesmo tempo. Hai hai, ponto pra você que disse que sou a Ruki. Há tempos que não nos vemos, certo?

Como eu disse, as nossas vidas voltaram aos trilhos depois de tanto tempo que passou. Até mesmo meus problemas pessoais que acabei tendo naquela época.
Sim. Quando começou Tamers, naquela bagunça vocês devem ter notado que eu era um bocado rebelde e fria. E vos pergunto: porque? Naquele dia meu pai havia me ligado. A noiva dele acabava de dar a luz a filha. Reika.
Já não via meu pai muito, e com a garota não o veria tão cedo. E estava até certa. Até eu completar 15 anos e pela primeira vez ver a menina.
Não tenho raiva dela, veio ao mundo sem ter culpa. Aprendi a aceitar a situação dele, e assim, mudei um pouco, não sei se pra melhor. Meio a isso eu havia esquecido do Tamers Carding Game. Até hoje
.

...ooOoo....

O telefone toca. Ruki sai do banho e o atende.

- Alô?
- Srta. Makino?
- Sim, sou eu.
- Sou da organização das competições de TCG. A senhorita foi Rainha há Dez anos atrás.
- Hm, me lembro sim, algo em que eu possa ajudar?
- Viemos pedir que esteja presente ao coroamento dos furutos Rei e Rainha do game.
- Não tem gente mais recente, não?
- Ninguém conseguiu chegar as finais e ter um casal vencedor além de você, e o Sr. Akiyama.

Akiyama. É um sobrenome cujo persiste em ficar nas minhas lembranças. Não só o nome, mas também a imagem.

- Hm... entendi, quando?
- 20 de Abril.
- Abril é? - ela olha o calendário, cai num sábado - Claro, estarei lá. Quantos concorrentes?
- Apenas dois, são as batalhas finais pra decidir o primeiro e segundo lugar.
- Obrigada pela informação. Desculpa, não perguntei seu nome.
- Kitagawa. Kouji Kitagawa.
- Entendi, até.
- Até.

Ela desliga o telefone.

Levei anos pra tentar apagar o que eu tinha sentido quanto àqueles olhos azuis e pele morena, mas uma palavra arruinou meu trabalho. Ora vamos, não me olhe torto, leitor, não tenho culpa! Se você é do sexo feminino sabe de cor e muito salteado que ele é um dos mais bonitos da franquia, e não balance a cabeça dizendo "não" que sabes que está a mentir a si mesma! Se ele sussurasse em pé de seu ouvido se renderia que eu sei!
Mas falando sério, não o vejo faz muitos anos. Quando eu disse que um estaria brincando no Digital World, eu não sabia o que, de fato, ele anda fazendo da vida. Bom, ele tem 23 anos, ele faz o que lhe der na telha.
Também vou comentar que ele nunca mais falou comigo, acabei saindo de Tóquio e indo passar um tempo em Niigata, aonde conheci a irmã do Daisuke e viemos juntas para Tóquio de volta, junto com a Rumiko, minha mãe.

Olhando o calendário... é amanhã! E não tenho nada fazer.


...ooOoo...

- E AQUI TEMOS OS FINALISTAS! RYOUMA AKIYAMA E REIKA MAKINO!

Pois é, a próxima Digimon Queen é minha irmã, curioso não? É coisa de Makino querer ser a melhor.
Vou tentá-la descrever: diferente de mim, ela tem o cabelo típicamente preto, de olhos alilasados, a pele igualmente branca e se vestia de um jeito delicado. A vi jogar com um dos convidados, e ela herdou meu estilo frio e calculista. Sem piedade, direto ao que interessa.

- Ruki. Posso conversar com você?

Era intervalo.

- Diga, Makino-san-
- Sei que você é minha irmã, sem esses tratamentos polidos.
- Muito bem, Reika, em que lhe posso ser útil?
- Porque ele?
- Hã?
- Ah vamos Ruki, não se faça de boba que de boba você não tem um fio de cabelo. Vou repetir: porque ele?
- Akiyama Ryou é um cara comum que por uma pirraça do destino se meteu no meu caminho.

Ele ouviu e pigarreou alto o suficiente para nós duas ouvirmos. Dei só um sorrisinho irônico de "desculpe-me" e ele me deu as costas.

- Vocês se gostam.
- Na sua cabeçinha doce de 11 anos, querida.
- Mas ele é lindo.

Ele deu uma risada que eu ouvi.

- Tem gente melhor, sabia?

Xeque.

- Ahhan. Vou buscar café, você quer?
- Vou junto.
- Vamos.

O barulho do meu salto deve ter-lhe feito pensar em algo, mas não deu pra definir. Olhei rapido demais o espelho.
Na varanda do salão, sentamo-nos e começamos mais uma vez a conversa.


- Posso perguntar uma coisa a você, Reika?
- A vontade.
- Que se passa entre você e o Ryouma?

Ela cuspiu o café.

- O QUÊ?
- Regra número um das batalhas: jamais deixe seu oponente lhe distrair. E você tava olhando pra ele.
- Só pode ser zuera, né?

Peguei o espelho e apontei a ela. As bochechas coraram.

- Não tem nada entre nós.
- Ahhan.

A encarei, por fim ela suspirou.

- Ele... bem, me mandou um buquê de flores dias desses, dizendo no cartão "Você pode ser a garota mais bonita que conheci até agora, mas não vou deixar que vença. com 'carinho' Ryou-chan".
- Hum, rivais, conte-me mais.
- Desde então ele foi treinado pelo irmão dele, o Digimon King.

Dessa vez fui eu que cuspi o café.

- Repete: Ryouma Akiyama é irmão de Ryou Akiyama?
- Não sabia?
- Não!
- Agora sabe porque to tensa?

Me acalmei e pensei um pouco.

- Por parte sim, quer umas dicas?
- Quê?
- Reika, dicas. ele pode ser o King porque me venceu por 30 pontos, mas de estratégia a melhor sou eu. Quer ou não?
- Mas nós não-
- Uma Makino é capaz de aprender tudo pra vencer em poucos minutos.
- Sério?
- We aren't princess, We're Queens, baby.

Pedi o baralho dela e usei os 15 minutos restantes para lhe ensinar tudo o que eu sabia.
E ela foi para a batalha. Linda e imponente, minha irmã. Uma Makino. Só que eu tinha esquecido E subestimado meu oponente, que era um Akiyama. Felizmente, empate, e nenhum dos dois queria o segundo.

- Deixe o antigo casal decidir isso!
- Péra para tudo, Ryouma: antigo Casal? hã? Tá maluco, cara? Eu nunca namorei Ruki Makino na minha vida!
- Idem!

Depois termino.

EDIT: segunda parte. Fatou um pedaçinho pequeno que não terminei porque juntou eu , a Ni e o Luks no MSN.

O garoto (que não tem nada a ver com o Ryou fora os olhos) fez uma cara sinalizando que não entendeu muita coisa.

- Mas, Ruki, vocês podem jogar, não? - Disse Reika.
- Ahahah Ruki jogar? faz 10 anos que ela nã-
- Reika, me empreste seu baralho, fazendo favor.

Ela me deu o baralho dela. O vasculhei e tirei a carta que empatou o jogo anterior: Ravemon.

- Onii-chan, você vai jogar, né?
- Ah não sei, Ryouma, não to com sac-
- Não quer jogar porque esqueceu ou porque tá com medo de perder?

A frase soou agresiva e fria. Os olhos da Makino mais velha pareciam ficar cada vez mais claros e ao mesmo tempo obliquos.

- Isso parece ser um desafio.
- É um desafio. Não precisa aceitar se não quer se arriscar.
- Não se preocupe, vou te humilhar agora mesmo.

Ele estendeu a mão pro irmão e ele lhe deu o baralho. Ele tirou a Rosemon, a outra carta do empate, e se sentou na cadeira. Fiz o mesmo, fiquei com a postura reta e arrumei o jogo.
Ele me olhou fundo, dentro dos olhos e disse baixo "espero que continue sendo tão boa quanto era, não aceitarei ganhar muito fácil de você, Rainha." Não lhe respondi com palavras, apenas com um sorriso no canto da boca. Não tente me distrair, Rei, não vou deixar barato aqueles 30 pontos que por pura distração eu perdi.

Monodramon + Plug G de velocidade X Tailmon + 30% de poder. = Perdi.
Ranamon + 20% Força X Guilmon + Asas Brancas e Plug in de velocidade H. = Vitória minha.

A batalha ficou com alguns minutos apelando pra Seichouki e Seijukuki. Depois passamos para os Kanzentais. Taomon, Magnamon, Lillymon, imagine muitos digimons, lá estavam com bons combos. A luta tava no bate-rebate até que chegamos as três cards finais. O silêncio reinou em todo o salão. Reika, que estava segurando a bolsinha que carregava, estava tensa. O garoto olhava fixo para o tabuleiro. Os pequenos estavam tensos e pelo o que o garoto aparentava, a carta principal era algo que eu não dominava.

Ele jogou. Justimon, + aumento de 20% na velocidade e King Device. Olhei no painel eletrônico: 15.952
Minha vez. Sakuyamon + Aumento da resistência em 40% e Queen Device. Olhamos no painel: 15.952.
Mais um empate, apitou a tela LCD em meio a nós, um aniquila o outro. Pontuação de cada lado: zero.

- Como que foi que....

Estendi a mão.

- Qual é a dessa mão?
- Foi uma boa luta, só isso.

Ele apertou desconfado minha mão. Saí da mesa e devolvi o baralho a Reika. Íamos embora, mas o auditor nos parou.

- Espere, como vai ficar isto? E eles?
- Só passar a coroa e dividir o primeiro lugar, simples.
- O problema, Srta. Makino, é que eles não terminaram a luta.
- Quê?
- A Batalha deles não terminou.

Todos alí estavam impacientes.

- Faça o seguinte, Mizawa: a Reika-chan você a faz princesa, o Ryouma fica como príncipe. Ninguém tira a coroa do casal lendário.

Levei um senhor susto quando dei de cara com uma garota de cabelos rosados, ar de uma chinesa e atrás dela meu colega de chás e hot cocoas: Jenrya. Então suponho que ela seja a...

- Shu-nee!
- Reika! Como vai menina?

Não foi só eu que fiquei com uma sombrancelha arqueada.

- E como vai o os casad- vocês dois ai?
- Bem, Shuichon, Bem.
- Ruki, você conhece a DMO Master? - me perguntou minha irmã
- DMO? Ah o jogo online... sim.
- Ruki-onee me ensinou muito truque nas cartas naquela época. E Ryou-onii tinha me dado o Queen Device pra fazer ciumes pra Ruki-onee.

Ryou deu ma senhora olhada do mal pra ela, que a fez meio que engulir o que havia dito.

- Não... precisava ter dito.
- Não vou mentir. Você gostava dela naquela época, já não sei agora.

Eu, Ryouma e Reika olhamos firme para ele que corou. Ele deu as costas e foi cantar a moçinha que tava servindo café.

- Heh, Watashi wa Masutaa de~suuu. Mas enfim, as Makinos conseguiram ganhar?
- Dois empates.
- Chega a ser engraçado - Dessa vez disse Jenrya - Reika tem a cara da Makino, mas parece ser tão diferente.
- Batalhando esta coisinha aqui é até pior que eu. Ela é mais fria.
- Aprendi com a Shu-nee.
- Interessante.

Na conversa toda, o irmão do Ryou me chamou a atenção.

- Vocês não são do time que lutou aquela foderous batalha aqui em Tóquio há uma década?
- Somos. Teu irmão também.
- Onii-chan não me contou isso. Por isso ele é bom. Por isso que vocês são lendas.
- Chegou a conhecer o Takato-onii, Ryouma?
- Eu? Shuichon-san, é honra. Dizem que ele trabalha que nem um condenado.
- E trabalha mesmo. Quase nem tem tempo pra namorada.
- Namorada?
- Katou Juri.
- A lendária Princesa? AH VÉIO NÃO ACREDITO QUE SOU IRMÃO DO DOMADOR LENDÁRIO QUE AMAVA A DIGIMON QUEEN QUE ERA A FODEROSA NAS MAGIA DIGIMON!
- Baixe a voz. E ele não me amava.
- Amava s-
- Esqueça isso Shuichon. Enfim, vou pra casa. Alguém quer uma carona?

Olhei pra Reika. Ela me deu um sim com a cabeça e o outro lá perguntou se eu daria uma carona pros dois.

- Se quiserem...
- Não, Ruki, não prec-
- Onii-chan sem crise. É só uma caroninha de nada.

No carro Ryouma encheu nós dois de perguntas. "como se conheceram?" "qual carta ele usou pra te ganhar, Ruki-anee?" e muitos outros mimimis. Eu dava a desculpa de estar dirigindo e não responder ele, Mas o (incompetente) Ryou só ficava corado. Não aguentei.

- Ruki, o que você sentia com relação ao onii-chan?
- A verdade? Naquela época eu não sabia.
- Como não? Você me odiava quando tinha 10 anos, Ruki! Eu te passava cantadas e você só dava uns "hunfs" brochantes, sabia?
- Bom que usou a frase no passado Ryou. Crinças, aonde moram?
- Em Shibuya, no prédio perto da estação.
- Então estamos perto.
- Mas o que você sente sobre ele hoje em dia, Ruki?

Xeque. Eu não sei responder.

Spoiler:
perparei um mini extra pra vocês.


Makino Reika:
- 11 anos
- Estuda com o Ryouma
- Adora rosas
- Detesta doces
- Se dá bem com a Ruki
- Rival #01 do Ryouma
- Muito educada (quando e com quem quer)
- MUUUUUUUUUUUUUUUUITO orgulhosa.
*Cabelo preto, olhos Lilases.

Akiyama Ryouma:
- 14 anos
- Estuda com a Makino Reika
- Adora coisas vermelhas
- Detesta meninas orgulhosas
- Adora o irmão
- Rival da Reika
- Galinha, porém romântico
- MUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUITO irônico


Levei em consideração que o Ryou seja adotado, mas gosta bastante do moleque, por isso são um bocado diferentes. E ele sabe que o Ryou é adotado.
*Loiro, olhos azuis

Última parte. PC reiniciou tantas vezes que demorei mais do que devia pra terminar.
- É aqui, Ruki, já pode parar.

Estranhei quando o Ryou começou a ficar nervoso do nada, ele quase abriu a porta do carro sem eu ter parado, sorte dela estar travada.

- Você tá bem, Ryou?
- .... na realidade não, posso sair?

Eu parei o carro em frente as escadarias e destravei as portas. Ele saiu como se quisesse vomitar ou qualquer coisa.

- Não liga pra isso, Ruki-anee - disse o Ryouma, com uma cara de ironia - ele fica assim quando ve as meninas da Shuseido.
- Meninas da Shuseido?

Eu quis me matar quando olhei para o prédio que o garoto apontou. Nada mais era do que o prédio da Shuseido, aonde minha adorável amiga e também uma das minhas chefes, Jun, trabalhava. Ela me subornou pra eu ser a modelo dela pro trabalho de conclusão de curso e desde daquele dia to trabalhando lá como modelo e maquiadora, mas isso não tem importância.

- Ruki-anee.
- Quê?
- Você não me respondeu.
- Não?
- Não. Aproveita que ele tá longe e nos responde, fazendo favor.
- A Verdade?
- É, lógico.

Suspirei.

- Eu não sei.

Ambos suspiraram de decepcionados e a Reika saiu do carro. Ela havia me dado o cartão dela e a ela dei o meu.

- Ruki-anee.
- Que é, Ryouma?
- Por favor, me responde sem meio-termo.

Desliguei o carro e virei pra ele.

- "Ah, eu amo ele, seu eternamente doida e faria muitas coisas só pra sentir as doces mãos quentes dele" é isso que você quer ouvir? Lamento, não é bem assim.
- Ruki-anee. É sério.
- Muito bem, antes de eu te responder, quero lhe fazer uma pergunta, e a responda sem meio termos.
- Manda.
- Chame isso de pirraça do destino ou qualquer nome que lhe seja melhor, mas eu já notei que pintou um clima entre você e minha irmã - ele já corou - e aposto meu anel de formatura que seu lindo irmãozinho deve ter falado algo de mim, bem ou mal. A pergunta é, caro Ryouma: você tá me enchendo de perguntas deste gênero porque acha que sou igual a Reika no quesito amor e, dependendo da resposta, vai usá-la com ela?
- ... é, bem isso.
- Na lata.
- Agora a sua resposta.
- Só se me prometer uma coisa.
- O quê?
- O que falamos neste carro vai ficar neste carro. Nada falo desta conversa pra Reika e você nada fala pro Ryou, entendido?
- Sem enrolação.
- Eu sempre gostei dele.
- Interessante isso, mas porque vocês não conversam sobre?
- Tá doido?
- Eu que tenho de te dizer isso, Ruki. Escute bem, apesar de eu não ter muitas garantias: quando eu falei "meninas da Shuseido" incluí você no meio porque vimos você fazer um ensaio pra um outdoor da Margaret, em Fevereiro.
- Vimos?
- Eu e ele, gata, moramos alinhados aquela big window. Continuando: queira ele ou não, seu nome o deixa inquieto. Se ele te ve, ó Deus, ele faz muita coisa só pra você sentir ciúmes ou qualquer coisa assim. Não sei o que rolou no passado ou o que raios ele tá sentindo agora, mas que alguma coisa ele tem por você, é garantido.
- Isso é imaginação sua.
- Ahhan, ou aquela olhada á lá Darth Vader pra Shuichon é nada, mesmo. Acorda Rainha.
- Isso é interessante, mas tenho coisas demais pra fazer.
- Tipo o quê?

Coincidamente meu celular toca. Era a Jun. Atendi no viva-voz.

- Oi Jun, o que foi?
- RUKI SUA CACHORRA, QUEDÊLHE OS FOLDERS QUE TE PEDIR PRA PEGAR COM O DAISUKE?
- Estive ocupada. E o meu prazo é até segunda.
- NÃO INTERESSA, RUKI, VÁ ATRÁS DAQUILO ANTES QUE ELE VÁ VIAJAR! OU COMO EU FAÇO OS CALENDÁRIOS DA BLACK* E DE XROSWARS?
- Se acalme.
- Quieta, eu to calma! Ande logo!
- Tá, levo aonde?
- Prédio da Shuseido que fica em Shibuya, deixa na recepção com a vadia da Iwase que quando eu chegar eu pego.
- Você não gosta dela, né?
- Ela me fez perder uma chance e boa de ir maquiar a BoA, meu amor. Bom que conseguir contornar e ser a maquiadora no show da Lady Gaga.
- Vixi. Mas enfim, levo assim que puder.
- Logo!
- Tá, até Jun.
- Se cuida querida.

Desliguei. Ele estava com a cara assustada, acho que pelos gritos de minha chefe ao telefone.

- Quem é Daisuke?
- Irmão dela, faz faculdade de publicidade e age como freelancer. a Jun pagou ele pra divulgar alguns animes.
- Ah... Mas agora você tem desculpa de ir visitar a gente, sabia?
- Quê? Que "a gente"?
- Eu e a Reika.
- Pra que diabos eu iria visitar você, moleque?
- Não... exatamente eu, querida Rainha... - ele disse aquilo com um sorriso irônico - cê sabe o que eu quis dizer.
- Não mesmo.
- Ora vamos, me ajude com a Reika, eu te ajudo com o onii-chan.
- Não quero ajuda.
- Ora, não? E porque?
- Porque se é como você diz, já deveria ter engrenado as coisas há muito tempo, não acha loirinho?
- E...?
- Nenhum dos dois lados vai ceder tão fácil. Agora sai do meu carro que eu tenho que ir entregar os folders.

Ele saiu e entrou pro prédio com um sorriso diferente, não sei lhe explicar. E desde aquele dia passei a evitar aquela janela sempre que podia. Do outro lado da parede havia um espelho que dava direto pro prédio do outro lado da rua, e das poucas vezes que lá olhei, eu não o vi, exceto uma vez. Ele parecia bem.
Passei a ter maior contato com a Reika naquela primavera, até que certo dia ela me contou que Ryouma havia aberto o jogo. Ela me perguntou que raios eu tinha dito a ele, e não lhe respondi. Apenas disse que... tínhamos o mesmo problema.

Dei o nome de Another Sorry a essa memória não pelas inúmeras desculpas que o pessoal inventou para nos shippar sempre que possível, mas sim graças a estação. Another Sorry to love, another sorry to cry, como diria Jun quando tá bêbada e filosofando nos barzinhos pela cidade. "Another Sorry to remember that memories."

*Black Rock Shooter the anime, anunciaram ano passado.
Shuseido: marca de cosméticos famosa no Japão.


Esse foi o final mais tosco da minha vida, eu vos garanto.

A pedido da Hinata: "A lendária Princesa" é uma espécie de lenda que correu entre os jogadores de TCG que viram a batalha. Todos os Tamers daquela época viraram lenda tanto entre os jogadores como entre aqueles que presenciaram aquele dia.


Última edição por Juny_Lee em Ter Jan 10, 2012 5:10 pm, editado 2 vez(es)
avatar
Jyunirii
Moderadores
Moderadores

Comportamento : 100%
Feminino Mensagens : 1529
Data de inscrição : 04/08/2011
Idade : 21
Localização : West Shinjuku while I'm listening The Biggest Dreamer.
Mensagem Pessoal : Amigos ate que o Ryouki nos separe.


http://pixiv.me/033210

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Another Sorry

Mensagem por Hinata Plusle em Seg Jan 09, 2012 7:53 pm

Adicionar OCs foi uma ideia boa. Mini-Ruki e Mini-Ryo devem ser uma fofura, ainda que sejam diferentes um do outro.

Estou esperando ansiosamente pelo final!

Só cuidado com os diálogos com mais de duas pessoas. Vez por outra, fica meio difícil de entender quem falou o quê para quem e quando eu acho que foi um, um aposto diferente chega e bagunça toda a minha cabeça (ok, isso também é noobice minha, mas...). Tente indicar, evitando repetição excessiva, quem disse o quê, de tempos em tempos. Eu não consegui entender quem era a lendária princesa e se o Ryouma realmente tinha conhecido Takato ou não, por exemplo (Belesma, sou uma burra mesmo).
avatar
Hinata Plusle
Child (Seichouki)
Child (Seichouki)

Comportamento : 100%
Feminino Mensagens : 445
Data de inscrição : 09/08/2011
Idade : 19
Localização : Ringtown, Fiore

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Another Sorry

Mensagem por Convidad em Seg Jan 09, 2012 8:44 pm

Achei meio louco a história, haver com a RP do Twitter ?
Porque pareceu ser inspirado em uma história de lá e caramba
dez anos sem se ver e ao menos sem se darem os pegas ? u_u'
Ai ai Ruki, o amor da tua vida bate a porta e você nega, Takato-kun ao
menos namora a garota que ele gosta.

Amei a Reika, muito fofa apesar de ser meia irmã, ao menos isso as diferenciavas ,que nem Ryou e Ryouma :]
Mas me diga, Akiyama-kun é adotado ... os pais dele resolveram ter um filho biologicamente apenas depois ?

Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Another Sorry

Mensagem por Lukas em Seg Jan 09, 2012 9:12 pm

Vou deixando meu recado: NÃO SUBESTIMEM OS AKIYAMA.
Agora posso me contradizer um pouquinho? xD

Tava só passando o olho na fanfic antes de ler. Li "Ryouma". Pensei: "WTF, Ryouma numa estória baseada em Tamers? Vou ler isso". Acabei até me enganando, pensando que era o de Xros Wars antes. Well, gostei, mas continuo achando o Ryou mais foda mesmo, inclusive aí. xD

Assim como a DikPeach92, eu também lembrei do RP. u_u
Enfim, você vai continuar? =P
avatar
Lukas
Moderadores
Moderadores

Comportamento : 100%
Masculino Mensagens : 1572
Data de inscrição : 19/08/2011
Idade : 20
Localização : Brasília, DF, Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Another Sorry

Mensagem por Jyunirii em Ter Jan 10, 2012 8:16 am

como eu catei o android pra responder, relevem os erros que nao corrigi porque nao acabei vendo. e obrigada pelo feedback

sobre as falas, Hinata, foi pura falta de atencao minha, ou talvez costume. as vezes ate eu me perco nestes detalhes, mas sempre esqueco de adicionar isto toda vez que escrevo.

Dik: e de se lembrar mesmo porque usei o fato deles serem mais velhos, mas nao tem como. coloquei a mini-ruki e o mini-ryou que sao criacoes minhas. e a ruki e orgulhosa demais pra assmir que ama ele, ai jesus. ou incopetencia de quem escreve. ryou, de logo uns pegas na ruki e faca a gente feliz, por favor.also o Ryouma nasceu quando o Ryou tava no dw, talvez pra preencher o espaco vazio de 10 meses fora
os akiyamas tiveram um filho biologico.

Lukas: se virar fic vai virar enchecao de linguica e fica tao chato que ate camoes fica de saco cheio. so vou adicionar o pedacinho que falta e dou ela por encerrada. mas se alguem tiver ideias pra uma continuacao... enfim.
avatar
Jyunirii
Moderadores
Moderadores

Comportamento : 100%
Feminino Mensagens : 1529
Data de inscrição : 04/08/2011
Idade : 21
Localização : West Shinjuku while I'm listening The Biggest Dreamer.
Mensagem Pessoal : Amigos ate que o Ryouki nos separe.


http://pixiv.me/033210

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Another Sorry

Mensagem por Convidado em Ter Jan 10, 2012 10:28 am

Juny, confesse que você é fan hard de Ryo x Ruki xDDD *FOGE MILHAS DE VC*

Btw, não sou muito de Tamers pq quase nunca consegui assistir desde minha infância (e olha que eu assistia quando passava na finada Fox Kids)
Mas tuas fics de Tamers ou com xrosover de Tamers e outras seasons me fazem curtir até aquele bobinho do Takato (e yep, VOCÊ quem está me fazendo gostar dele, não do canon, mas sim do seu Takato. Assim como existe pessoas que gostam do meu Daisuke, assim como eu amo o Taichi da Ray e o Masaru do Dragon)

Eu curti tua fic xDD Principalmente pelo fato destas duas OCs (opa... esse Ryouma é kawaii desu *runs away* Mas pensei que era o Mogami no início e fiquei meio "WTF", mas ok... Foi boiada minha q) não serem tão overpower como outras que existem aí >.>;

Segundo: elas não tiram o foco dos principais, no caso aqui era a Ruki e o Ryou, certo? Coisa que não curto muito é quando uma OC está entre CANONS e toda hora pega o foco para si mesmo, quando esta não tem absolutamente importância alguma e deveria ser apenas uma personagem extra no elenco da fic.

No mais, curti :3
Se tiver continuação me avise xDDD

Uma pergunta... A Jun foi citada aí... Mas o que o Daisuke está fazendo atualmente? xD E Taichi, Takuya, Masaru, Taiki e Tagiru?

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Another Sorry

Mensagem por Jyunirii em Ter Jan 10, 2012 5:15 pm

Nina Geijutsushi escreveu:Juny, confesse que você é fan hard de Ryo x Ruki xDDD *FOGE MILHAS DE VC*

Btw, não sou muito de Tamers pq quase nunca consegui assistir desde minha infância (e olha que eu assistia quando passava na finada Fox Kids)
Mas tuas fics de Tamers ou com xrosover de Tamers e outras seasons me fazem curtir até aquele bobinho do Takato (e yep, VOCÊ quem está me fazendo gostar dele, não do canon, mas sim do seu Takato. Assim como existe pessoas que gostam do meu Daisuke, assim como eu amo o Taichi da Ray e o Masaru do Dragon)

Eu curti tua fic xDD Principalmente pelo fato destas duas OCs (opa... esse Ryouma é kawaii desu *runs away* Mas pensei que era o Mogami no início e fiquei meio "WTF", mas ok... Foi boiada minha q) não serem tão overpower como outras que existem aí >.>;

Segundo: elas não tiram o foco dos principais, no caso aqui era a Ruki e o Ryou, certo? Coisa que não curto muito é quando uma OC está entre CANONS e toda hora pega o foco para si mesmo, quando esta não tem absolutamente importância alguma e deveria ser apenas uma personagem extra no elenco da fic.

No mais, curti :3
Se tiver continuação me avise xDDD

Uma pergunta... A Jun foi citada aí... Mas o que o Daisuke está fazendo atualmente? xD E Taichi, Takuya, Masaru, Taiki e Tagiru?

Nunca disse que não era. #runz.

Desculpa pela escolha dos nomes, Ryouma acabou por dar um senhor mindfuck na cabeça de vocês e a Hinata falou que lembrou da Ootori Reika, a mulher/namorada do Yamaki. Se bem que os desenhos acabou por justificar a escolha ou não.

E bem, gente, acabou por aqui mesmo porque não pensei numa boa continuação pra ela. Quem tiver ideias pode ir avisando, pode ser que retome.
avatar
Jyunirii
Moderadores
Moderadores

Comportamento : 100%
Feminino Mensagens : 1529
Data de inscrição : 04/08/2011
Idade : 21
Localização : West Shinjuku while I'm listening The Biggest Dreamer.
Mensagem Pessoal : Amigos ate que o Ryouki nos separe.


http://pixiv.me/033210

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Another Sorry

Mensagem por Hinata Plusle em Ter Jan 10, 2012 8:06 pm

Aêeee, Jun! \o/

Nada a acrescentar, o comentário anterior já estava bem completinho.

Entendi a da lendária princesa.

PS: é "ShIseido".
avatar
Hinata Plusle
Child (Seichouki)
Child (Seichouki)

Comportamento : 100%
Feminino Mensagens : 445
Data de inscrição : 09/08/2011
Idade : 19
Localização : Ringtown, Fiore

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Another Sorry

Mensagem por Jyunirii em Dom Abr 01, 2012 2:44 pm

tres coisas a dizer.

1. Peguei um PC com um teclado ruim pakas e que nao tem acentos, fora que eu por mim mesma cometo la meus fails gramaticais.
2. Chamei de "Logs" porque nao os considero serem oneshots ou ate mesmo que virou fic.
3. Ideia repentina, escrevi aqui mesmo. Depois faco alguns desenhos e fim de papo.

========================

LOG 01: CIUMES.

Parque de Yoyogi, tres da tarde. A Makino mais nova vinha correndo ate encontrar os dois mais velhos no qual lutara dois meses atras, na final da convencao de TCG.

- Obrigada aos dois por me ajudarem numa hora dessas, sei que devo estar atrapalhando.
- Naah Reika-chan - Disse o Akiyama, sorridente - e um prazer te ajudar.
- So vamos rapido com isso, ainda tenho que voltar pra Shiseido hoje.
- ok.

Ryou tinha posto uma mao no ombro da menor, e um " EU DESCOBRIIIIIIIIIIIIII" ecoou.

- Ryouma? - disseram os tres, em coro.
- ONII-CHAN, COMO VOCE PODE ME TRAIR?
- Que?
- E voce, Reika, voce foi a pior - ja dizia ele em lagrimas - como pode me trair!
- Mas espere, Ryouma, eu nao fiz nada com a Reika-ch-
- Akiyama-san, deixa pra la. KIDO!

Ryouma ficou mais puto ainda.

- QUER DIZER QUE VOCE TAVA ME TRAINDO COM... UM.... Falcomon?

O loiro acabou por ficar perplexo com o Falcomon - com um lenco azul pendurado em seu pescoco, com o nome "Kido" - a parar ao lado de Reika. A mesma suspirou.


- Vou te contar, homem ciumento e o cumulo da babaquisse. - ela levantou o D-Arc roxo com a "a parte que da cor" em azul - Virei tamer, seu idiota. E meio obvio que eu pediria ajuda aos veteranos.
- Ahn...
- Ryouma... que foi...? - Disse Ryou, ja preocupado.
- Nao, e que.. POXA NAO ACHO JUSTO QUE ESSA TABUA DE PASSAR TENHA UM DIGIMON E EU NAO!
- Tabua de passar e voce, pedobear oxigenado.

Qualquer coisa cor de rosa acertou Ryouma pelas costas e o mesmo caiu no chao. Se levntou resmungando qualquer coisa.

- Quem e que foi a crianca desalmada que atirou essa bola cor de ros...
- La... la... mon?
- Que raios uma Lalamon ta fazendo aqui? - Disse Ryouma
- Tava indo pegar ele. - disse a Makino menor - pedi a ajuda deles porque nao queria que ela se machucas-
- AI QUE LINDINHA ESSA LALAMON, SE EU PUDESSE FICAVA COM VOCEEEEE! - Disse o loiro, ja ignorando todos ali.

Uma luz surgiu do nada e desceu ate as maos de Ryouma. Assim que ela sumiu, em seu lugar apareceu um D-Arc roxo e a "volta" ao redor do visor em roxo. Eis que um novo tamer nasce.

E, este mesmo ser deu voltas e mais voltas com a sua Lalamon em maos. Talvez a mesma estivesse ja tonta. Os gritos de felicidade eram audiveis ate perto da calcada, ate uns civis pararam uns minutos para ver a cena idiota.

- Serio que voce e idiota assim, Akiyama-san?
- Eu sou Adotado, nem olha torto pra mim, voces duas.
- Eu ja sabia que ambos eram convencidos e idiotas, mas isto e o cumulo! - comentou Ruki, ainda pondo mais sarcasmo - E o digimon tinha de ser rosa, pra quem derrortou um Millenuinmon e meio vergonhoso, nao?
- Eu nao tenho nada a ver com isso! - Dsse Ryou, ja vermelho tanto pela pressao de ambas as Makinos quanto seu irmao infantil a dancar no meio do parque.
- Idiotas - disseram as duas, em coro.


oOo
LOG 02: PEDOBEAR.

- Que e?

Era intervalo na escola de Aoyama (*), o mais velho havia se sentado do lado da outra que comia quieta, ate entao, seu lanche.

- Fala logo, o que voce quer, moleque?
- Voce deveria ter respeito com seu sempai, Makino.
- Voce so esta no segundo ano porque voce implorou pros professores te passar.
- Joga na cara mesmo, sua tabua, tambem amo voce.
- Eu falei serio.
- Tambem falei serio, Reika.

Silencio. O Akiyama se poe a olhar o ceu nublado e acaba soltando um suspiro.

- Levou um fora de qual garota do terceiro?
- Nenhuma.
- Que foi, entao?
- To meio preocupado.
- Essa e nova. tenho ate medo de perguntar com o que. - disse a outra, mordendo o sanduiche.
- Sua... - suspira de novo - Enfim as ferias de verao estao chegando. Depois que ela acabar vou pro terceiro e acabarei ficando mais velho... nao era isso que eu queria.
- Ue, so pedir pra repetir.
- Voce nao entendeu. Queria ter 11 anos de novo.
- E ruim ter pelos nascendo em certas partes, e?
- Ce ta venenosa hoje, pequena.
- Eu estava comendo quietinha, voce que veio me incomodar.
- Voce podia me levar a serio de vez em quando, sabia?
- Fica complicado depois daquela cena em Yoyogi.

O loiro desanima.


- Sua ruim.
- Obrigada.
- Mas sendo serio, queria ter 11 anos de novo por uma razao.
- E qual seria?
- Assim nao me preocuparia em ficar ao seu lado quando tivesse 18 anos. Voce sabe, e crime eu namorar uma menor.

Silencio mais uma vez. O menino volta os olhos azuis pra garota ao seu lado, que olhava pro chao.

- Que foi?
- To pensando.
- Em que?
- Em chamar a inspetora e falar que voce e pervertido, que historia e essa?
- Credo Reika, declaro meu amor por voce e me vens com uma dessa? Ce ta pior que a Ruki-anee!
- Nao poe a Ruki na historia. Deixa ela brigando com o Ryou.
- Quem disse que voce pode por meu irmao na historia, pedaco de gente?
- Quieto, pedobear oxigenado!
- Tabua de passar.
- Cretino.

Ele fez uma cara de emburrado e ela terminou o refrigerante.

- Opa. Perai.
- Quie?
- Voce ta vermelha.

Ela engasga. Prontamente ele a ajuda.

- Ei, ce ta legal?
- *cof* to. Obrigada.

Ela se levantou e limpou a saia, e o sinal toca. Sem olhar pra tras jogou a lata no lixo.


- Ryouma.. porque eu?
- Sei la.
- Na boa, voce e realmente um idiota. Dentre tantas meninas peitudas do ensino medio veio procurar consolo na setima serie. Que lastima voce e.
- Desculpa se eu prefiro as tabuas.

Ela se virou e falou com um tom mais alto
.

- Nao sou tabua, para com isso.
- Nao, nao e mesmo.
- Que? - ela olhou com duvida.
- Agora que eu reparei - ele apontou em direcao ao laco do uniforme - Comecou a crescer. - deu um sorriso sincero.

Mas a sinceridade de seu sorriso foi violentamente desfeito com o tapa que recebeu. Sem dizer uma palavra o deixou com o rosto marcado e foi marchando a passos pesados rumo ao interior da escola.


=
(*) = Eu nao sei se Aoyama aceita alunos de quinta a oitava serie, mas vamos dizer que sim. Tava sem paciencia pra procurar.
=


oOo
LOG 03: REFLETINDO ( No CELULAR ).

- Serio que o Ryuki 2.0 conseguiram digimons? - disse Shuichon no telefone em viva-voz e a amarrar o cabelo.
- Quer parar com isso, Shuichon?
- Ruki-onee-chan, isso e um fato de Tamers, tal qual o Jurato. Mas serio, voce ensinou a Reika-chan direitinho, ne?
- Ela aprende rapido - Ruki suspira - mas o irmao do Ryou e que e meio lento...
- Sei... Fiquei sabendo que ele ganhou uma Lalamon.
- Ate que e bonitinho o digimon do Ryouma. Nao e aquela coisa truncada que nem o Cyberdramon.
- Mas Ruki... diz ai.
- O que?
- Se eles conseguirem chegar ao ponto de usar a matrix, ta certo ele e Lalamon digivolverem pra Rosemon?
- Como assim?
- Ruki minha cara, dentre as mocas de Tamers voce a unica que usa bojo C, ou seja, o maior de todos dentre nos, e Rosemon tem BEEEEEEEEEEEM mais peito que voce.
- Bom....
- E ele e um rapaz.
- Ahn... - Ruki pensa e apenas deixa sair um gemido estranho - Reika tambem ta numa situacao dessa, nao?
- Reika?
- Tecnicamente Ravemon e um Digimon masculino, e ela, apesar de bem nova, e menina.
- Putz... Mas digimons tecnicamente nao tem sexo.
- Ahhan. Ta.
- Ta esquece esse meu comentario.
- Mas enfim, este realmente e um Daimondai daqueles.
- Disse tudo, Shuichon. Mas bem que... nao ha inimigos pra eles lutarem contra.
- Aqui no Real World, mas se eles descobrirem sobre o DW estamos e ferrados. - Shuichon aperta uma tecla que faz o celular voltar ao normal - Espero que ninguem fale pra eles.
- Ahn...
- Que foi?
- Ryou falou ontem.
- Beleza. Que otimo, maravilha. Nao podias segurar a boca de seu marido?
- ELE NAO E MEU MARIDO SHUICHON LEE! - A ruiva se acalma - E eu nao tinha pensado muito nisso.
- Isso nao e de se esperar de voce, Digimon Queen.
- Mas nao ha portais. Pelo menos nao na regiao de toquio e distritos.


ok, paro aqui. preciso sair.
avatar
Jyunirii
Moderadores
Moderadores

Comportamento : 100%
Feminino Mensagens : 1529
Data de inscrição : 04/08/2011
Idade : 21
Localização : West Shinjuku while I'm listening The Biggest Dreamer.
Mensagem Pessoal : Amigos ate que o Ryouki nos separe.


http://pixiv.me/033210

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Another Sorry

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum